Cura Pela Natureza, saúde e tratamentos naturais

Esta mulher se curou de câncer em metástase apenas consumindo suco de cenoura

A escritora Ann Cameron, autora de livros infantis, tem uma incrível história para contar.

Ela conseguiu se curar de um câncer no estágio 4 (a fase mais avançada) tomando suco de cenoura.

E o mais surpreendente: sem quimioterapia, radioterapia e nenhuma mudança radical na dieta.

Em 6 de junho de 2012, Ann fez uma cirurgia para combater um câncer de cólon na fase 3. 

Depois da cirurgia, ele se sentiu melhor até o início de novembro do mesmo ano. 

Foi quando exames de rotina detectaram que seu câncer de cólon havia avançado para o estágio 4, com metástase nos pulmões. 

O médico previu de dois a três anos de vida para Ann. 

Ela foi informada de que a radiação seria inútil.

A quimioterapia foi recomendada, mas não iria prolongar sua vida.

O marido de Ann já havia morrido de câncer de pulmão em 2005.

Diante dio desespero, a escritora mergulhou numa intensa investigação em busca de uma cura alternativa.

E sua busca terminou quando encontrou o testemunho de um homem chamado Ralph Cole.

Ralph havia se curado de um câncer no pescoço bebendo 2,5 litros de suco de cenoura diariamente.

Imediatamente, no dia 17 de novembro de 2012, Ann começou seu regime diário de suco de cenouras.

Ela centrifugava seu suco logo cedo.


Tomava um copo pela manhã e o resto refrigerava para ir consumindo durante o dia.

Ann consumia religiosamente 2,5 litros de suco de cenoura todos os dias.

Durante o tratamento, não fez quimioterapia nem radioterapia.

Também não fez mudanças radicais na dieta, à exceção do suco de cenoura.


Continuou comendo carne e até tomando sorvete, apesar de não recomendar este alimento: "Eu não recomendo sorvete para quem está com câncer, mas só quero enfatizar que beber suco de cenoura foi a única mudança que eu fiz na minha vida".

Afora o suco de cenoura, o único reforço que Ann recebeu foram as orações e os pensamentos positivos dos amigos, a quem até hoje ela agradece.

Em 7 de janeiro de 2013, após oito semanas de 2,5 litros de suco de cenoura consumidos diariamente, uma tomografia computadorizada revelou que os tumores cancerosos tinham parado de crescer, além de uma redução no inchaço dos gânglios linfáticos.

Dois meses depois, mais uma boa notícia: não havia mais inchaço dos gânglios linfáticos e os tumores continuaram encolhendo. 

E em 30 de julho de 2013, a mais emocionante de todas as notícias: Ann estava livre do câncer! 

Mas como explicar isso à luz da ciência?

O que há de especial na cenoura para curar cãncer?

A resposta talvez seja "falcarinol", um antioxidante encontrado na cenoura e que provou ter propriedades anticancerígenas. 

Pesquisadores do Reino Unido e da Dinamarca reduziram, graças a esse antioxidante, tumores cancerosos em ratos. 

Além disso, um estudo em humanos descobriu que o consumo de suco de cenoura aumenta os níveis sanguíneos de carotenoides em sobreviventes de câncer de mama. 

Os pesquisadores acreditam que o aumento dos níveis sanguíneos de carotenoides atua como uma prevenção contra o câncer.

Para terminar, uma informação muito importante: é claro que a cenoura a ser usada no tratamento de câncer precisa ser orgânica.

Este é um blog de notícias, não substitui o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.
Leia Mais ►

Combata a dor de garganta com estes poderosos antibióticos naturais

Nesta época do ano, aumenta o número de casos de infecções na garganta.

E, além do friozinho típico do inverno, tem a poluição das grandes cidades.

Enfim, é preciso fazer algo para aumentar a imunidade e combater problemas como amidalite, faringite e laringite.

Mas como?

Com receitas naturais.

Este post vai oferecer a você uma seleção com os melhores remédios naturais para combater problemas de garganta.

Para ter mais eficácia, todos esses remédios precisam ser tomados logo no início da infecção.

1. SUCO DE GENGIBRE E ABACAXI 

O gengibre e o abacaxi tem ótimas propriedades anti-inflamatórias.

Por isso este suco proporciona alívio imediato nas dores e irritações de garganta. 

Eis a receita: 1 pedaço de aproximadamente 3 cm de gengibre, 1 xícara de abacaxi, 150 mL se água.

Bata os ingredientes no liquidificador. 

Coe e tome o suco na hora. 

2. MEL E AÇAFRÃO

Mais dois poderosos ingredientes.

Use 200 gramas de mel de boa qualidade (de preferência, orgânico), 2 colheres (sopa) de açafrão-da-terra em pó ou ralado e uma pitada de gengibre em pó/ralado ou de pimenta-do-reino moída na hora.

Misture bem os ingredientes.

Guarde essa mistura num pote de vidro limpo e bem tampado.

Assim que você notar os primeiros sintomas de gripe, virose ou qualquer outra infecção (como as na garganta), consumir o medicamento da seguinte maneira:

Dia 1 - tome uma colher (sopa) a cada hora

Dia 2 - tome meia colher (sopa) a cada 2 horas

Dia 3 - tome meia colher (sopa) três vezes durante o dia

3. CHÁ DE GENGIBRE E LIMÃO


Este chá mistura três potentes medicamentos naturais.

Ele melhora a imunidade e funciona melhor como um preventivo.

Por isso deve ser tomado por toda a temporada de frio.

Para fazer este chá, você vai precisar de meio litro de água, 2 colheres (sopa) de gengibre ralado e meio  limão com casca.

Ferva a água e acrescente o gengibre e o limão.

consuma duas xícaras por dia (o chá deve estar morno).

4. ÁGUA MORNA COM SAL 

O gargarejo com água morna e sal, várias vezes por dia, reduz a inflamação na garganta e solta o catarro. 

A receita é simples: meia colher (chá) de sal em 1 copo de água. 

Se o gosto salgado ficar muito forte para você,  use um pouquinho de mel na mistura. 

Nunca engula o líquido. 

É essencial cuspi-lo, pois ele está cheio de bactérias.

Hipertensos não devem usar esta receita.

5. GARGAREJO COM CHÁ DE ROMÃ

A casca da romã também tem propriedades anti-inflamatórias e cicatrizantes.

Leve ao fogo 3 colheres (sopa) da casca, do caule ou da raiz com 1 copo de água. Quando ferver, abafe e deixe amornar. 

Adicione 1 colher (chá) e sal e outra de vinagre e gargareje três vezes ao dia. 

Repita o processo até a cura total.

6. GARGAREJO COM LEITE DE MAGNÉSIA

O leite de magnésia neutralizza a acidez típica de regiões inflamadas, por isso ele também atua como anti-inflamatório.

A receita é esta: 1 colher (sopa) de leite de magnésia e 3 colheres (sopa) de água.

Faça o gargarejo com a solução.

Procure deixar escorrer um pouco da solução enquanto faz o gargarejo para atingir a parte irritada da garganta.
Leia Mais ►

Como fazer um delicioso ketchup caseiro em apenas 2 minutos

Nós adoramos ketchup.

E você?

Bem, se chegou até aqui, com certeza também.

Infelizmente, os ketchups industrializados estão cheios de conservantes e de outras substâncias tóxicas.

Sem falar no desnecessário excesso de açúcar (problema que ocorre até em marcas orgânicas), contribuindo para pouco a pouco aumentar nossa taxa de glicose.

Mas calma.

Nem tudo está perdido.

Você mesmo(a) pode produzir em casa o seu ketchup.

E este ketchup caseiro é totalmente natural, sem açúcar e nenhum aditivo prejudicial à saúde.

Como ele é feito?

A receita é complicada?

Os ingredientes são fáceis de encontrar?

Sim, a receita é bastante simples e os ingredientes são fáceis de encontrar.

Aliás, o preparo não é meramente simples.

É muito mais do que isso.

É "super-mega-hipersimples".


Em apenas 2 minutos (ou menos) você prepara este ketchup.

Está curioso(a) para aprender a receita?

Aqui está ela:

INGREDIENTES

1 xícara de pasta de tomate (de preferência, orgânica)

1 colher (sopa) de mel (de preferência, orgânico)

1 colher (sopa) de vinagre de maçã (de preferência, orgânico)

1/4 colher (chá) de mostarda

1/2 colher (chá) de sal marinho

1/4 xícara de água

MODO DE PREPARO

Basta apenas bater bem todos os ingredientes no liquidificador.

É ou não muito fácil?

Por não ter conservantes, este ketchup dura em torno de uma semana na geladeira.
Leia Mais ►

6 gotas por dia deste poderoso azeite eliminam a gordura do abdome

Para quem quer, além de emagrecer, cuidar da saúde e proteger o corpo de diversas doenças, este azeite é uma das melhores opções.

Há muito tempo ele é utilizado pela medicina natural.

E o melhor é que suas propriedades ajudam a eliminar a gordura, especialmente a localizada no abdome.

De que azeite estamos falando?

Do poderosíssimo azeite de canela!

Pesquisas científicas provaram que a canela e, por consequência, este azeite, possui substâncias altamente eficazes para ajudar a emagrecer.

Outro ponto muito importante é que o azeite de canela ajuda a fortalecer o cérebro e a memória, além de combater bactérias e de ser um grande estimulador do sistema imunológico.

Ele também é um excelente remédio natural para diabetes. 

Há muitos estudos sobre a canela e o diabetes. 

E todos dizem que a canela ajuda a regular o açúcar no sangue e, por isso, é muito importante para diabéticos. 

A canela diminui os níveis de açúcar no sangue e aumenta a produção de insulina no organismo. 

Este azeite também contribui para o bom funcionamento do estômago, pois a canela ostrou-se eficaz, de acordo com pesquisas, no tratamento de úlcera, ajudando a eliminar a bactéria H. pylori e outros patógenos.  

Outro benefício do azeite de canela é melhorar a circulação. 

Se você é mulher e quer se prevenir contra varizes, deve consumir este azeite por ele ser antiplaquetário, antitrombótico e antiesclerótico. 

Enfim, este azeite é um concentrado dos princípios ativos da canela, o que o torna muito poderoso. 

Saiba como preparar e usá-lo:


INGREDIENTES

Vários de pedaços de canela em pau

Azeite extravirgem de oliva

Um frasco de vidro de boca larga

MODO DE PREPARO

Encha o frasco de vidro com os pedaços de canela em pau.

Adicione o azeite até cobrir esses pedaços completamente.

Feche o frasco e coloque-o em um lugar fresco e seco durante três semanas.

Agite o vidro diariamente pelo menos duas vezes, muito importante para liberar os princípios ativos da canela.

Depois de três semanas, coe o azeite e transfira-o para uma garrafa escura.

Armazene-o em local fresco e seco.

COMO USÁ-LO

1. Para eliminar bactérias no ar do carro:  adicione-o em um pedaço de algodão e passe nas saídas do ar-condicionado do carro. 

2. Para melhorar respiração: ponha um pouco deste óleo no peito e espalhar fazendo massagens. 

Em minutos, a respiração ficará bem melhor. 

3. Para combater e prevenir diabetes: consuma uma ou duas gotas do azeite nas três principais refeições.

4. Para emagrecer e queimar gordura abdominal: consuma duas gotas no café da manhã, almoço e jantar.

Importante: este azeite não deve ser consumidos por quem tem pressão alta.
Leia Mais ►

4 produtos altamente prejudiciais à saúde que você precisa parar de usar em casa

Você  se preocupa com a alimentação e o bem-estar não só seu, mas de toda a família.

Mas e a sua casa, ela está completamente livre de ameaças à saúde?

Nós apostamos que não.

E mais: apostamos que ela está repleta de itens que, entre outras ameaças, podem levar ao desenvolvimento de câncer.

Nossa casa é, para a maioria de nós, um local sagrado.

Mas infelizmente estamos permitindo a invasão de diversos produtos químicos cancerígenos no nosso lar. 

Estamos levando para casa, por desconhecimento, muitos agentes cancerígenos, sob o disfarce de corantes, xampus, borracha, plástico, perfumes e muito mais. 

1. Aromatizadores de ar

Os aromatizadores de ar industrializados carregam uma grande quantidade de substâncias tóxicas.

Essas substâncias são prejudicais tanto à saúde das pessoas quanto à dos animais e plantas.

Os aromatizadore mais prejudiciais são os que contêm ftalatos. 

Os ftalatos estão diretamente relacionados ao câncer e a distúrbios hormonais. 

Para evitar este problema,  faça seu próprio aromatizador: numa panela com água, ferva cascas de limão, laranja, canela em pau e cravo-da-índia.



2. Velas

As velas são outro produto com ingredientes que causam câncer na nossa casa. 

A Comissão de Segurança de Produtos de Consumo dos EUA fez um estudo sobre a composição das velas. 

De acordo com o estudo, 40% das velas no mercado contêm chumbo no pavio. 

"Pavios com miolo de chumbo podem emitir quantidades de chumbo relativamente grandes no ar durante a queima", afirmou um comunicado da agência governamental.

O chumbo emitido apresenta um risco potencial para crianças expostas à inalação e ingestão da substância, que se acumula nas superfícies do quarto.

Esse chumbo acumulado pode ficar acessível às crianças por um grande período de tempo e permitir a exposição direta à boca por meio de objetos ou das próprias mãos.

Os consumidores com crianças pequenas devem evitar usar as velas que aparentam ter pavios com metal, porque não é possível saber se a substância é chumbo apenas olhando ou tocando o pavio.

3. Xampus

A maioria dos xampus comerciais contém parabeno e outros produtos tóxicos. 

É por isso que muitos médicos naturalistas estão sugerindo o uso de xampus artesanais e naturais.

4. Sabões antibacterianos



Os desinfetantes para as mãos com propriedades antibacterianas podem fazer mais mal do que bem. 

A maioria deles contém um composto chamado "triclosan", que é vendido como "um exterminador de germes", mas, na verdade, tem sido responsável pela disseminação da resistência aos antibióticos e formação de "superbactérias". 

Além disso, tem muitos efeitos adversos para a saúde, podendo prejudicar a glândula tireoide.

Nossa sugestão para você não correr este risco: lave as mãos com sabonetes glicerinados e complete a limpeza com álcool em gel 70 graus.
Leia Mais ►

Dieta da respiração é sucesso no Japão: perca peso sem dieta nem exercício e apenas respirando!

É possível perder peso apenas respirando profundamente?

Segundo o ator japonês Miki Ryosuke, criador da dieta da respiração, isso é possível sim.

O ator garante que perdeu quase 13 quilos e 5 centímetros de cintura em apenas 7 semanas respirando profundamente apenas alguns minutos por dia.

E o que é melhor: sem nenhum sacrifício alimentar e atlético!

Ryosuke, 57 anos, afirma que os seguidores da dieta só precisam passar de 2 a 5 minutos por dia realizando respirações longas e, em seguida, expirar de forma agressiva. 

O inventor da dieta afirma tê-la descoberto por engano, enquanto praticava técnicas de respiração, na tentativa de reduzir a sua dor nas costas. 

Depois de treinar essas técnicas, Ryosuke notou que estava perdendo peso.



E foi aí que teve o "estalo":  a solução para emagrecer rápido e sem grande esforço poderia ser aquela técnica.

Então o japonês elaborou, baseado na sua descoberta, os fundamentos da dieta da respiração longa.

Para começar, ela deve ser feita em uma posição específica do corpo e, em seguida, inalar durante três segundos e depois expirar com vigor por sete segundos. 

Ryosuke afirma que os seguidores da dieta só precisam de dois minutos por dia para sentir a diferença.

O inventor da dieta da respiração diz que existem duas formas de segui-la. 

A primeira evolve a contração das nádegas enquanto um pé deve ser colocado na frente do corpo e todo o peso deve ser jogado sobre o pé de trás. 

Nesta posição, a pessoa é encorajada a inalar durante três segundos ao levantar os braços acima de sua cabeça. 

E, logo depois, deve expirar enquanto tensiona todos os músculos por sete segundos.

O segundo modo de praticar a técnica envolve ficar de pé enquanto aperta as nádegas e coloca uma mão sobre o a barriga e a outra na parte inferior das costas. A pessoa deve inspirar durante três segundos antes de expirar por mais sete segundos enquanto tensionam todos os seus músculos. 

O vídeo abaixo exibe uma demonstração dos dois modos.

Assista, pois ajudará você a entender nossa explicação.




Acredita-se que a dieta da respiração aumente a força muscular e acelere o metabolismo, elevando os níveis de oxigênio no sangue.

Jill Johnson, criador do “Oxycise”, outro programa de perda de peso com base na respiração, explica que a gordura é composta por oxigênio, carbono e hidrogênio. 

“Quando o oxigênio que respiramos chega às moléculas de gordura, ele as quebra em dióxido de carbono e água”. 

O sangue, então, captura o dióxido de carbono – um subproduto de nossos corpos – e o devolve para os pulmões para ser expirado. 

“Assim, quanto mais oxigênio nossos corpos usarem, mais gordura eles vão queimar”, completa.

Leia Mais ►

O que fazer para salvar um bebê em caso de asfixia ou engasgo causados por comida ou objeto

Boa parte dos pais não sabe o que fazer se o filho sofre asfixia/ sufocamento por engasgo com objeto ou alimento.

Nos Estados Unidos, esse percentual de papais e mamães desinformados sobre como agir em caso da criança ficar asfixiada/engasgada chega a 40%, segundo pesquisa.

Existe um procedimento que deve ser feito nesses casos para salvar a vida da vítima.

É a manobra de Heimlich.

Essa técnica é extremamente eficaz, mas precisa ser aplicada da forma certa.

O modo de execução da técnica vai variar se for feita com bebê ou uma criança um pouco maior.

No caso de bebês, o procedimento certo é colocar a criança sobre o colo, com a cabeça levemente mais baixa que o tronco e dar cinco tapas firmes nas costas dela (com a parte mais dura das mãos), mais ou menos na altura dos ombros.


Para facilitar o entendimento, veja o vídeo a seguir.

É uma animação feita nos Estados Unidos e, por isso, está em ingês.

Mas logo abaixo dele vamos explicar tudinho em português.

Assista e leia a seguir:


Vamos à explicação da manobra de Heimlich em bebês:

- Segure a vítima de cabeça para baixo, apoiando-o nas coxas.

- Bata nas costas utilizando a parte mais saliente da palma de sua mão (até cinco vezes) para desalojar o alimento ou o objeto preso nas vias vias respiratórias (traqueia).

- Se o alimento/objeto permaner alojado, vire o bebê ao contrário e aplique até cinco compressões torácicas.

- Continue o ciclo até que o alimento/objeto sair das vias respiratórias.

Se ficar com dúvida, veja o vídeo de novo.

É muito importante que os pais saibam aplicar essa técnica.

Por isso divulgue e compartilhe esta informação para o maior número de pessoas nas suas redes sociais, pois ela pode salvar uma vida um dia.
Leia Mais ►

Futuras mães: 5 recomendações para facilitar o parto

A gravidez é uma experiência incomparável e envolvente que exige bastante calma.

Quando toma as medidas corretas e tem a ajuda do parceiro, a gestante pode facilitar bastante o trabalho de parto. 

No entanto, ainda há quem tenha medo das possíveis complicações.

Por isso, nós estamos trazendo cinco importantes recomendações para o momento da chegada do bebê.

Aqui estão elas:

1. Reconheça as contrações!

 Normalmente, as contrações aparecem durante as últimas semanas de gravidez, o que ajuda o útero a se acostumar com a pressão do nascimento.

 As contrações de nascimento são mais fortes e ocorrem, geralmente, em intervalos mais curtos.

Se a mãe estiver tomando um banho quente, dias ou semanas antes do tempo esperado para a chegada do bebê, e sentir contrações, por exemplo, com certeza serão passageiras. 

No entanto, se forem contrações que anunciam o nascimento, elas se tornarão ainda mais fortes.

É muito importante ficar atenta a este sinal!

2. Saiba respirar corretamente

Durante o trabalho de parto, o corpo, quando relaxado, pode liberar endorfinas e oxitocina, esta é mais conhecida como hormônio do amor.

Para ativar esses calmantes naturais, recomenda-se que a gestante respire corretamente, inspirando pelo nariz e expirando pela boca.

Ah, beijar a pessoa amada também é uma ótima dica para a liberação dos hormônios! 

Pode testar!



3. Mantenha a calma e vocalize

O medo da dor provoca estresse, dificultando ainda mais o processo do parto. 

O nervosismo exagerado pode causar cãibras, fazendo com que o parto fique ainda mais demorado.

Normalmente, quando sentimos dor, contraímos a mandíbula. 

Isso não pode acontecer no trabalho de parto, pois essa atitude trava o corpo da mulher. 

O ideal é realmente abrir a boca e gritar, para que o canal energético chegue até a vagina, facilitando a dilatação.

4. Não exagere nos exercícios físicos

É claro que os exercícios físicos adequados preparam as mulheres para o trabalho de parto. 

No entanto, elas não devem exagerar nos movimentos para que não fiquem exaustas na hora “h”.

Mas sabe o que é legal?

Ficar de cócoras, principalmente nos momentos de contrações.

Outra dica: dançar e sorrir bastante!

5. Faça um curso de preparação

Se for possível, faça um curso de preparação para o parto, que já existe em várias cidades.

Um curso de preparação ensina muitas técnicas importantes  para o processo de nascimento.

Geralmente esse curso é oferecido por parteiras especialistas.

Elas ensinam métodos de respiração, relaxamento e técnicas de massagem que podem ser feitas com o parceiro.

Mas não é só isso.

O curso pode dar mais coragem e autoconfiança para enfrentar o medo da dor e das complicações.
Leia Mais ►

7 sinais de Alzheimer e remédios naturais para evitar a doença

O mal de Alzheimer é uma doença progressiva que afeta as células do cérebro. 

Ele é lento e silencioso e afeta a área da linguagem, pensamento, memória e, quando está bem avançado, provoca uma grande mudança de personalidade no paciente.

A pior parte desta doença é que não existe cura.

Ela só pode ser tratada para não progredir rapidamente.

As pessoas mais propensas a esta doença são as que têm mais de 65, as pessoas que sofrem de depressão, as pessoas sedentárias, as que sofrem de problemas circulatórios, cardíacos e diabetes.

Agora vamos mostrar alguns sinais que podem ser um indício de que a pessoa esteja doente de Alzheimer:

- Perda da noção do tempo e do espaço Não tem ideia das horas e de percursos habitualmente feitos).

- Mudança de personalidade repentina e muito forte, ficando com raiva ou triste, principalmente com parentes ou amigos próximos.


- Dificuldade para resolver problemas matemáticos ou simplesmente receitas que fazia muito frequentemente tornam-se coisas bastante complicadas.

- A pessoa se esquece de se alimentar por perder o desejo de comer ou beber.

- Normalmente o doente de Alzheimer fica mais emotivo e agressivo porque desconhece as pessoas em torno deles e, por isso, eles não vai permitir que lhe digam o que deve fazer ou lhe deem comida, muito menos banho.

- A pessoa começa a se comportar como criança porque passa a depender de outras pessoas para fazer suas atividades cotidianas.

- Como existe uma grande dificuldade em reconhecer membros da família ou amigos, o doente de Alzheimer se sente cada vez mais sozinho, como se não tivesse ninguém por perto para ficar com ele.

Esses são alguns dos sintomas mais comuns de uma pessoa que pode estar com Alzheimer.

Mas somentes exames médicos podem fechar o diagnóstico.

Como prevenir a doença?

Estilo de vida saudável (alimentação, exercícios, pensamento positivo) ajuda muito a nos proteger contra o mal de Alzheimer e outras doenças.

Afora isso, inclua na sua vida estas estratégias naturais de prevenção contra a doença:

- Coma diariamente maçãs (de preferência, orgânicas).

- Coloque para ferver por 5 minutos 1 colher (sopa) de gengibre e 1 colher (sopa) de açafrão com uma xícara de água.

Tomar essa bebida todos os dias.

- Beber chá verde, duas vezes por dia, é muito bom porque fortalece a área cognitiva do cérebro.

- Consuma diariamente 1 colher (sopa) de óleo de fígado de bacalhau ou cápsulas de ômega 3.

- Tome 4 colheres (sopa) de óleo de coco duas vezes por dia durante quatro meses, uma vez por ano.

- Beba 1 copo de suco de limão com 1 colher (sopa) de linhaça triturada na hora todos os dias.
Leia Mais ►

Exterminador caseiro de baratas: livre-se das baratas para sempre!

Elas estão em quase todos os lugares do planeta.

E são um terror para muitas pessoas.

Você nunca ouviu um "Socorro, barata!"?

Muita provavelmente sim.

Medo de barata é algo muito corriqueiro..

E há muitas razões para isso.

Além de repugnantes, as baratas representam uma grande ameaça à saúde, pois transmitem diversas doenças.

As patas desse inseto carregam perigosos microrganismos e espalham pelo mundo diarreia, infecções intestinais, hepatites, entre outras enfermidade.

Elas também podem causar reações alérgicas.

E o pior é que, em caso de contato com os alimentos, as bactérias transmitida pelas baratas são resistentes ao calor.

Isso significa que essas bactérias resistem ao calor e não morrem durante o cozimento.

A melhor maneira de ficar livre das baratas é manter a limpeza do ambiente.

Os alimentos não devem ficar expostos, pois baratas são atraídas por comida.

Precisamos manter a casa sempre limpa: tampar os ralos com protetores, cuidar para que os canos não fiquem rachados ou quebrados e limpar todo resto de comida.

Bastam esses cuidados para evitar ou diminuir a presença de baratas em nossa casa.

E você pode reforçar esta luta contra as baratas usando uma destas receitas caseiras: 

1.  Açúcar com bicarbonato de sódio:

Misture uma xícara de açúcar branco e uma xícara de bicarbonato de sódio.

Espalhe pequenos montes dessa mistura em sua casa (próximo de ralos é um bom local). 

As baratas adoram açúcar e vão comer a mistura. 

O bicarbonato de sódio produzirá gases e elas vão morrer rapidamente.

2. Folhas de louro esmagadas

Este remédio para baratas é muito famoso e conhecido. 

Ele não causa a morte delas, mas as afugenta. 

As baratas não suportam o cheiro de folha de louro. 

O que você vai fazer é muito simples: espelhe algumas folhas de louro secas em lugares onde as baratas costumam aparecer.

Mas é importante que as folhas de louro tenham um cheiro forte.

Folhas muito velhas perdem a fragrância e não servem para a receita.



3. Inseticida natural

Esta receita é mais elaborada, exige mais ingredientes.

Mas vale a pena.

Este inseticida é um poderoso exterminador de baratas.

Veja como se faz e usa:

INGREDIENTES 

Óleo essencial de eucalipto

Óleo essencial de alecrim

1 folha de louro 

Meio litro de álcool de cereais 

1 litro e meio de água 

1 garrafa PET vazia e limpa de 2 litros 

MODO DE PREPARO 

Coloque algumas gotas de óleo essencial de alecrim e de óleo essencial de eucalipto mais uma folha de louro em meio litro de álcool de cereais. 

Ponha a mistura numa garrafa PET de 2 litros. 

Depois, complete a garrafa com água e agite bem. 

E está pronto o desinfetante matador de baratas. 

Use-o em todos os ralos.

Em pouco tempo, as baratas vão sumir de vez.
Leia Mais ►

Saiba como fazer o melhor remédio natural para melhorar a memória

Se você está sentindo um grande cansaço mental e a memória tem falhado com frequência, deve ir a um médico para investigar o problema.

Se ele descartar uma doença séria, pode ter certeza que você vai encontrar a solução do seu problema aqui.

É uma receita muito poderosa com alecrim, um poderosíssimo estimulante orgânico, que favorece a atividade mental (memória), o ritmo cardíaco, serve para os nervos, o estresse e a ansiedade.

E a ciência também já descobriu isso.

Pesquisa publicada no Therapeutic Advances in Psychopharmacology mostrou que o aroma do alecrim pode ajudar a melhorar o desempenho mental. 

Além disso, poderia aumentar a velocidade e a eficácia com que a mente processa a informação. 

No estudo, realizado pela Universidade da Northumbria, de Newcastle (Reino Unido), foi revelado que cheirar alecrim aumenta a memória entre 60 e 75%. 

Ainda segundo a pesquisa, o alecrim ajudaria não só a trazer as lembranças do passado, mas também fortaleceria a memória para lembrar as coisas simples dos fatos cotidianos, como datas, tarefas ou lugares em que se deixam determinados objetos.

Além disso, os pesquisadores sugerem que o aroma do alecrim também ajudaria a estimular a capacidade de realizar exercícios mentais matemáticos e, portanto, da memória prospectiva, que é a que permite se lembrar de ações que queremos realizar no futuro.

Mas os os benefícios do alecrim não param por aí.

Ele:


- ajuda a recompor o sistema nervoso após uma longa atividade intelectual;

- ajuda o corpo a assimilar o açúcar, por isso é ótimo para diabéticos;

- é digestivo e sudorífero;

- é excelente contra anemia, menstruação insuficiente e problemas de irrigação sanguínea;

- é excelente contra resfriado e bronquite;

- é indicado para tendinite e dores musculares;

- é indicado para problemas no coração, como arritmia cardíaca;

- é ótimo contra cansaço mental e estafa;

- é ótimo contra perda de memória e aumenta a capacidade de aprendizado;

- é ótimo para a saúde da pele e contra lesões e queimaduras;

- é útil contra queda de cabelo e caspa (nestes casos, pode-se beber o chá e enxaguar o cabelo com ele);

- equilibra a temperatura do sangue e de todo o corpo;

- estimula o metabolismo, agindo no fígado e melhorando a irrigação dos órgãos;

- fortalece o centro vital e age em todo o organismo.

Um excelente remédio caseiro para o cansaço mental e a perda de memória é o vinho de alecrim.

Você vai precisar apenas de alecrim, mel e vinho.

O preparo é simples demais.

Coloque 3 galhos frescos de alecrim em 1 litro de vinho tinto (sem açúcar) e adicione 1 xícara de mel. 

Deixe a mistura em repuso durante 4 dias em recipiente e local escuros.

Tome 1 colher (sopa) 3 vezes ao dia (em jejum, no meio da tarde e antes de ir dormir).

Importante: esta receita é contraindicada para quem tem problemas hepáticos ou com alcoolismo. 
Leia Mais ►

Livre-se da dor do joanete com estes remédios caseiros

Joanete é uma inflamação óssea no dedão do pé e atinge principalmente mulheres com mais 30 anos.

A genética é o principal motivo do desenvolvimento de joanetes. 

No entanto, o uso de sapatos apertados, salto alto e bico fino aceleram a deformação.

Não há como ser indiferente a esse mal, pois ele compromete o visual dos pés, é doloroso e impede o uso de muitos calçados, principalmente os mais elegantes.

Atualmente podemos contar com a ajuda de talas, palmilhas e almofadinhas especiais que podem aliviar a dor e proteger a inflamação das pisadas quando os pés não estão descalços. 

Massagear o dedão do pé com azeite, depois da caminhada, é uma boa sugestão para aliviar a dor. 

Outra boa sugestão para aliviar a dor é deixar os pés de molho em água morna por 20 minutos ou mergulhá-los em um balde de água com gelo. 

As mais poderosas dicas, porém, são estas que você vai aprender agora:

1. Sal de Epsom

- Coloque 2 colheres (sopa) sal de Epsom/ sal amargo/sulfato de magnésio (vende-se em farmácias) em água quente e mergulhe seus pés por 15 minutos.

O sal de Epsom tem propriedades anti-inflamatórias,

2. Açafrão e limão

- Alimente-se de açafrão e de limão diariamente.

O açafrão  e o limão possuem propriedades medicinais especiais e são ótimos anti-inflamatórios.



3. Louro

- Triture bem 5 folhas de louro e despeje-as em 100 mL de álcool a 96%. 

Deixe a mistura descansar durante uma semana e depois aplique-a diretamente na área afetada, preferivelmente após molhar os pés em água morna.

Massageie os pés e aplique este remédio todas as noites.

Para melhores resultados, antes de aplicar o remédio, mergulhe os pés em uma mistura água morna e bicarbonato (3 litros  de água e 1 colher de sopa de bicarbonato de sódio). 

Em seguida, seque bem os pés, aplique o remédio e coloque meia de algodão.

4. Iodo

Algumas pessoas são alérgicas a iodo.

Por isso, faça antes um teste para saber se você também é: coloque no cotovelo um pouco de iodo, espere um pouco e veja se ocorre alguma reação.

Se não houver, o tratamento está liberado.

Em um recipiente de vidro esterilizado, coloque 5 colheres (sopa) de iodo, a mesma quantidade de vinagre e 1 colher (sopa) de sal. 

Aplique essa mistura sobre o joanete com um pedaço de algodão todas as noites.

O ideal é fixar o algodão com um esparadrapo para que a solução fique no local durante toda a noite.

Faça até desaparecer o joanete.

5. Cloreto de magnésio

É excelente para tratar joanete.

Veja <AQUI> como usá-lo.
Leia Mais ►